“- Pirataria nem sempre é ruim para os negócios!” diz chefão da Rovio (Angry Birds)


Segundo o site vg247, esta foi a declaração dada por Mikael Hed durante a conferência de Midem, em Canes, dá conta que a industria do entretenimento precisa mudar sua visão e olhar pelo ponto de vista dos consumidores, citando a indústria da música como um bom exemplo do que não fazer.

“Podemos aprender muito com a indústria da música, e das equivocadas maneiras que ela vem tem tentado combater a pirataria”, explicou.

“Nós copiamos algo da indústria da música, que foi parar de tratar os clientes como usuários, e começar a tratá-los como fãs. Fazemos isso hoje: falamos sobre a quantidade de fãs que temos.

“Se perdermos a base de fãs, o nosso negócio é que perde, mas se podemos fazer crescer essa base, nosso negócio é que vai crescer.”

Hed disse também que tomar medidas legais contra piratarias é muitas vezes “fútil” e tudo que faz é ajudar a afastar milhares de potenciais “fãs” que poderiam ter provado ser um trunfo para a construção da marca e até mesmo contribuir para o rendimento global no futuro.

“A pirataria não pode ser necessariamente uma coisa ruim: ele pode acabar nos trazendo mais negócios no fim das contas”, disse ele.

No entanto, ele disse que esta tolerância não cabe quando a pirataria prejudica a imagem da empresa ou tenta explorar os clientes pagantes, como quando oferece mercadorias falsificadas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s